Prefeitura seta Cultura seta Notícias seta Aniversário da Cidade
 
Aniversário da Cidade
09-mar-2012

FGM comemora 463 anos de Salvador com vasta programação cultural

 

Fotos: Inaiá Lua 
 Um Olhar sobre Salvador - exposição no Museu da Cidade
Os 463 anos da cidade de Salvador já estão sendo comemorados nos espaços culturais administrados pela Fundação Gregório de Mattos (FGM). Com vasta programação durante todo o mês de março, o público apreciará exposições, palestras, oficina de dança e shows musicais, entre outras atrações, todas com entrada franca.

 

No Espaço Cultural da Barroquinha, a música instrumental sobe ao palco na segunda-feira (26), às 19h, com a apresentação de João Sebastião e o Quarteto de Cordas. Os Filhos de Gandhy fazem o show de abertura. Terça-feira (27), também às 19h, o Cortejo Afro se apresenta juntamente com a cantora Rita Braz. Na abertura, o espetáculo de dança CARDAN. O samba de roda do grupo Os Vendavais fará a festa para o público presente na quarta-feira (28), a partir das 19h.

 

No dia do aniversário da cidade, quinta-feira (29), a Barroquinha apresenta show de Reggae, com a participação de vários artistas, às 19h. Encerrando a programação do Espaço, na sexta-feira (30), também às 19h, o público apreciará a black music de Dão e a Caravana Black.

 

Museu da Cidade – Com programação cultural acontecendo durante todo o mês de março, o Museu da Cidade comemora o aniversário de Salvador com exposição, palestra, contação de histórias e encontro com artistas.

 

“Um Olhar sobre Salvador” é a mostra que acontece na Sala de Exposição Temporária do Museu entre os dias 8 e 30 de março. Diferentes artistas plásticos do Centro Histórico expõem telas sobre a capital baiana. A Fundação da Cidade de Salvador será apresentada em palestra do historiador Agnelo Joaquim de Santana, no dia 15, às 10h, no Auditório do Museu.

 

Nos dias 16 e 30, às 10h, no Salão do Museu, a arte-educadora Petinha Barreto contará histórias sobre as lendas de Yemanjá e Oxossi, para alunos de escolas da Rede Municipal de Ensino.

 

No dia 23, às 10h, o artista plástico, arquiteto, poeta e escritor Almandrade conversará com convidados no Auditório, sobre as Artes Plásticas na Bahia, a partir da Escola Baiana de Pintura até os tempos atuais. Fechando a programação do Museu, no dia 29, às 10h, na Sala de Exposição Temporária, o mestre Bule-Bule apresenta o seu Cordel Viva Salvador a estudantes da Rede Municipal de Ensino.

 

Casa do Benin – A Cidade de Salvador pode ser vista em duas épocas diferentes – anos 40 e 2005 – na exposição fotográfica “Salvador Ontem e Hoje”. Com imagens do acervo iconográfico do Arquivo Histórico Municipal de Salvador, a mostra está em exibição na Sala de Exposição Temporária, do dia 6 ao dia 25, das 9 às 17h.

 

 

Entre os dias 21 e 23, será inaugurado o Centro de Referência em Dança Negra, com workshop e exibição de vídeos sobre a Dança Negra. Dançarinos de São Paulo, Belo Horizonte, Rio de Janeiro, Bahia e Estados Unidos participam do evento, sob a coordenação de Elísio Pita. No Auditório, Quiosque e Salão de Oficinas, das 9h às 20h.

 

No dia 26, a Oficina de Dança CARDAN se apresenta no Quiosque, às 16h. Dia 28, às 16h, acontece, também no Quiosque, o Encontro de Capoeira e Maculê, com a Orquestra de Berimbau. Desfile de penteados afro, com a cabeleireira Negra Jhô, e apresentação musical do DJ baiano Mauro Telefunksoul, no dia 29, a partir das 16h.

 

Dia 30, entre 15 e 17h, o Quiosque receberá a aula espetáculo de Samba de Roda – com apresentação de grupos de Salvador e de cidades do interior – coordenada pelo presidente da Associação de Sambadores e Sambadeiras do Estado da Bahia, Edvaldo Bolagi.

Para encerrar, no dia 31, às 14h, a Associação Cultural de Capoeira Gangara realiza o I Festival de Cantigas de Capoeira, com o objetivo de resgatar e preservar sua história na Bahia e no mundo. As músicas selecionadas farão parte de um CD como forma de registro e divulgação dessa arte milenar.

 

Bibliotecas – Na Sala de Atividades Sociais da Biblioteca Edgard Santos, o artista plástico, arquiteto, poeta e escritor Almandrade conversa com convidados sobre as Artes Plásticas na Bahia, a partir da Escola Baiana de Pintura até os tempos atuais. Dia 21, às 10h.

 

Na Biblioteca Municipal Professora Denise Tavares, na Liberdade, o público pode apreciar a exposição fotográfica “Um olhar sobre a Liberdade”, formada pelo acervo do Arquivo Histórico Municipal de Salvador e por fotografias tiradas por crianças moradoras da região. Entre os dias 5 e 30 de março, das 9h às 17h.

 

No dia 16, às 14h, a Formação da Cidade de Salvador será apresentada na Sala de Consulta da Biblioteca Denise Tavares. O técnico da Casa do Benin e do Projeto de Coesão Pedagógica, Daniel Melo, proferirá a palestra “Influência da Cultura Africana na identidade Soteropolitana".

 

Dia 22, às 15h, a arte-educadora Petinha Barreto fará, na Sala de Consulta, a Leitura Orientada sobre a História da Cidade de Salvador, para crianças da Liberdade.