Prefeitura seta Cultura seta Festas Populares seta Festa de Itapuã
 
Festa de Itapuã
07-dez-2009
Duas horas da manhã. Nas ruas de Itapuã o Bando Anunciador inicia o ritual de despertar os moradores do bairro ao som das violas, banjos, cavaquinhos, bandolins e maracas. É o início da Lavagem de Itapuã. Uma multidão vai se formando até que, às cinco horas, uma alvorada de fogos anuncia o nascer do sol e a pré-lavagem da escadaria da Igreja de Nossa Senhora da Conceição de Itapuã pelos nativos do bairro.
Esta lavagem inicial foi introduzida na festa a partir de um sonho da já falecida moradora do bairro, Dona Niçu. Ela introduziu também o seu tradicional café da manhã servido a todos os participantes da festa, tradição seguida por seus filhos, mesmo após a sua morte.
Durante a manhã os rituais religiosos acontecem simultaneamente ao desfile de blocos de chão, como “As Donzelas”, “Galera do Mar” e o “Malê de Balê”. As ruas são tomadas por baianas, pescadores, ciclistas, capoeristas e cavaleiros. Ao meio dia acontece a lavagem oficial das escadarias. Durante a tarde a festa costuma ferver debaixo de um sol de verão e ao som de trios elétricos que fazem a alegria da população até a noite.
Como em todas as festas populares de Salvador, as ruas são tomadas por barracas de comidas e bebidas que abastecem o corpo dos foliões, já que o espírito está alimentado com muita alegria e devoção a Nossa Senhora da Conceição e a Iemanjá.
 
Na Mídia
:: LAVAGEM HOMENAGEIA MENININHA, JORNAL DA BAHIA, 13.02.1987, cad 1, p.10
:: ITAPUÃ TAMBÉM TEM A SUA FESTA QUE É DE N. S. DA CONCEIÇÃO, A TARDE, 27.01.1970, cad 1, p.2

:: SEM O ENCANTO DE ANTES, ITAPUÃ FEZ SUA LAVAGEM, A TARDE, 08.02.1974, cad 1, p.3

 

 

foto1